Filtros Coletores de Pó

Saiba mais sobre Filtros Coletores de Pó

O Filtro Coletor é composto por plenum superior (ar limpo), corpo central e moega de recolhimento com inclinação adequada para cada tipo de material, previsto para operar em condições rígidas e contínuas, dotado de Sistema Automático de Limpeza dos elementos filtrantes (Mangas ou Cartuchos).

O princípio de funcionamento do filtro submetido à pressão negativa consiste na introdução do fluido (ar + pó) na moega dotado de tela defletora retendo e precipitando, por efeito de gravidade, o particulado de maior granulometria. O fluido é conduzido para o interior do corpo central e forçado a passar através dos elementos filtrantes, onde o material particulado ainda em suspensão fica retido para ser precipitado pelo efeito do sistema automático de limpeza à moega e descarregado através de elemento extrator. Em seguida, o ar isento de impurezas, passa para o plenum superior, saindo do filtro por meio de bocal (ais) localizado(s) em uma de suas laterais.

No caso de mangas de filtragem, as mesmas serão montadas sobre gaiolas aramadas, que visam à manutenção de seu perfil cilíndrico quando em operação e respectivo aumento de vida útil, dotadas em sua extremidade superior de um Venturi, cuja finalidade é provocar a aceleração do ar comprimido de limpeza quando injetado no interior de cada manga.

O processo de limpeza é automático e consiste fundamentalmente na injeção de ar comprimido no interior de cada elemento filtrante. O sistema é composto por reservatório de acumulação de ar comprimido (Manifold), posicionado do lado externo, que funciona como um pulmão equalizador de pressão, provido de válvulas diafragmas com solenóides. O conjunto é contemplado com um tubo injetor para cada fileira de mangas (ou cartucho).Cada tubo injetor é dotado de furos alinhados com relação ao centro de cada manga.

O ar comprimido proveniente da câmara de acumulação é liberado pelas válvulas, com comando efetuado por solenóides, de forma sequencial. Isso provocará em cada elemento filtrante uma onda de choque com conseqüente expansão, provocando a desagregação do material particulado acumulado em sua superfície externa, o qual naturalmente irá ser depositado na moega de recolhimento.

Todo o conjunto será rigidamente apoiado em estrutura de perfilados, devidamente contra ventada, sendo o acesso ao topo efetuado por meio de escada do tipo marinheiro com guarda-corpo. O topo do filtro de mangas será inclinado para escoamento da água de chuva e dotado de proteção tipo guarda-corpo/rodapés periféricos e portas de visita com fecho rápido para retirada das mangas de filtragem e acesso à rede externa/interna de ar comprimido. A aferição do processo operacional será possível através de Manômetro Diferencial, de leitura local, incorporados no próprio programador seqüencial de limpeza dos elementos filtrantes.


Whatsapp MZ FLUID